A vitamina C corresponde ao grupo das vitaminas hidrossolúveis e, como a maioria delas, não se armazena no corpo, sendo eliminada em pequenas quantidades através da urina. Por este motivo, é importante a sua administração diária, já que é mais fácil que se esgotem as suas reservas do que as das outras vitaminas (lipossolúveis).

Estrutura quimica do ácido ascórbico (Vitamina C)

        Hidrogénio  Oxigénio   Azoto       Enxofre     Cobalto

É uma substância de cor branca, estável na sua forma seca. No entanto, oxida-se com facilidade em solução, e ainda mais facilmente quando exposta ao calor. A pH alcalino acelera a oxidação do cobre e do ferro.

Introdução
Estrutura Quimica
Síntese
Função
Metabolismo
Deficiência/Excesso
Recomendações
Fontes de Vitamina C
Bilhete de Identidade
Curiosidades

O nome químico ácido ascórbico representa as duas propriedades da substância, uma química e a outra biológica. Primeiro, é um ácido, mas que claramente, não pertence à classe dos ácidos carboxílicos. Segundo, a palavra ascórbico reflecte o seu valor biológico na protecção contra a doença escorbuto.

Todas as moléculas que possuam exactamente 6 átomos de carbono, 6 átomos de oxigénio, e 8 átomos de hidrogénio, formam uma molécula de vitamina C. Mas, é essencial que os átomos estejam organizados num determinado arranjo molecular incluindo os átomos de carbono específicos, quirais. Toda a molécula que tenha esta estrutura e possua esta determinada quiralidade é uma molécula vitaminada.

Webdesign © Ana Batista / Ana Calvário - 2002